Live game gratuita e aberta ao público é promovida pela Rede UniFTC

Jogo virtual estimula participantes a desenvolver habilidades comportamentais durante partida ao vivo O Jogo de Fuga ou ES:CA:PE online é um tipo de diversão que estimula a concentração, agilidade, criatividade, pensamento crítico, resolução de conflitos, capacidade de aprender a ganhar e perder, inteligência emocional e raciocínio lógico. Pensando em desenvolver estas habilidades exigidas no mercado de … Leia Mais



Ponto Novo: Comissão Eleitoral do SISPON defere registros de candidaturas e confirma a disputa entre duas chapas.

Findado o prazo para apresentação de recursos de impugnação de candidatura para a eleição sindical do Sindicato  dos Servidores Públicos Municipais de Ponto Novo, não sendo registrado nenhum pedido de impugnação, a comissão eleitoral reuniu-se e verificou que todos os candidatos atendem os requisitos do Estatuto do SISPON, sendo assim, a comissão DEFE a candidatura … Leia Mais


Bolsonaro diz que Brasil será autossuficiente na produção de vacinas

  O presidente Jair Bolsonaro fez nesta terça-feira (23) um pronunciamento em cadeia de rádio e TV em que afirmou que o país, em poucos meses, será autossuficiente na produção de vacinas contra a covid-19. “Não sabemos por quanto tempo teremos que enfrentar essa doença, mas a produção nacional vai garantir que possamos vacinar os brasileiros todos … Leia Mais


Tremor de terra atinge cidade de Jaguarari no centro-norte baiano


A terra voltou a tremer na Bahia. Desta vez, o tremor de terra foi registrado na cidade de Jaguarari, no centro-norte da Bahia. O caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (22).

De acordo com o Laboratório Sismológico (LabSis) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o tremor de terra registrou 1,7 de magnitude. Não há informações se o tremor foi sentido pelos moradores locais.O abalo mais recente registrado na Bahia ocorreu no sábado (20), no município de Itagibá, no sudoeste do estado.Fonte.Correio da Bahia


Governador anuncia abertura de 6 mil vagas para cursos gratuitos de qualificação profissional


O governador Rui Costa anunciou na noite desta terça-feira (23), durante transmissão do Papo Correria, a oferta de 6 mil cursos gratuitos de qualificação e atualização profissional a partir da criação do programa Conectar – Qualificação e Trabalho.
A iniciativa do Governo da Bahia, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego Renda e Esporte (Setre), pretende oferecer cursos para impulsionar a retomada do setor produtivo e a aceleração do emprego e da renda, reduzindo os impactos da pandemia da Covid-19.
O secretário da Setre, Davidson Magalhães, participou da transmissão ao vivo e explicou que os interessados podem se inscrever até o dia 31 de março, no site do programa (www.conectarbahia.com.br). As inscrições são realizadas apenas pela internet, e os beneficiários terão direito a uma bolsa mensal de R$ 120 durante os dois meses de duração do curso. “A inscrição já pode ser realizada e este é um avanço para assegurar geração de emprego e renda, já que esse é um dos grandes problemas neste período de pandemia”, destacou o secretário.
O programa envolve um investimento de R$ 2,2 milhões e oferece 6 mil vagas em todo o estado. O público-alvo é formado por jovens egressos de escolas públicas, trabalhadoras autônomas cadastradas no Programa Contrate.Ba, mulheres chefas de família monoparental, trabalhadores e rodoviários desempregados, condutores de vans escolares e motoristas de transporte complementar.
Ao todo, são 11 cursos: Redes Sociais como Ferramenta de Marketing; Inglês EAD Básico e Pré-Intermediário; Unhas Artísticas e Manicure Profissional; Marketing Digital & E-commerce; Fotografia Digital; Digital Influencer; Cuidador de Idosos; Gastronomia com ênfase na culinária vegana; Marketing Digital para o Empreendedor; Profissional Organizer; e Reciclagem de Rodoviários e Motoristas de Vans.

Em função da crise sanitária, a formação ocorre na modalidade de Educação a Distância (EAD), com a construção de redes de conhecimento entre educandos, professores e tutores, por meio de fóruns, chats e outras atividades interativas.

……………………………………………………………………………………….

Secom  – Secretaria de Comunicação Social – Governo da Bahia
www.comunicacao.ba.gov.br


Saúde: Secretaria Municipal de Educação informa a comunidade escolar que foi realizado o remanejamento provisório das escolas. Veja vídeo


A Secretaria Municipal de Educação informa a comunidade escolar (professores, pais e alunos) que em virtude das possíveis manutenções nas unidades de ensino e qualidade de atendimento foi realizado o remanejamento provisório das escolas:
Colégio Luiz Navarro de Brito funcionará no Colégio Osvaldo Pereira;
Escola Maria Anita funcionará na Escola Baltazar da Rocha
Escola Francisco Peixoto funcionará na Creche Maria do Carmo
E o Colégio Dom Antônio funcionará na Escola Alexandre Almeida.
Para mais informações entre em contato com a escola ou pelo telefone 3633 2601. Ascom


Está passando mais tempo em casa? Confira o que fazer para economizar energia elétrica


Com as pessoas passando mais tempo em casa devido às medidas de isolamento social, uma consequência é certa: o aumento do consumo de energia elétrica. O home office, as aulas on-line e até o uso constante de aparelhos como televisores, computadores e celulares podem ter um impacto significativo nessa elevação, mas é possível amenizar a situação. De acordo com o especialista técnico em Elétrica do SENAI Pernambuco, Frederico Cezar, a atenção à bandeira tarifária e a adoção de pequenas medidas em casa podem fazer diferença no bolso do consumidor no fim do mês. Confira, abaixo, cinco dicas elencadas pelo especialista.

*Atenção às bandeiras tarifárias*
Mensalmente, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) cobra valores diferentes pela energia que está sendo consumida, a depender do processo de geração que está sendo utilizado no País. Três bandeiras são utilizadas pela agência reguladora: a verde, que indica que está tudo sob controle; a amarela, que indica uma cobrança um pouco maior pela energia; e a vermelha, que é a tarifa mais cara e ainda se divide em dois patamares.

De acordo com o especialista, a tarifa do mês seguinte sempre é divulgada pela Aneel no fim do mês anterior, o que pode ajudar nessa organização. “Estamos em um mês de bandeira amarela. Como o sistema tarifário está mais caro, devemos tentar economizar ainda mais, para garantir uma conta mais barata. Isso é de extrema importância, porque as pessoas conseguem perceber que, mesmo utilizando os mesmos equipamentos, você acaba pagando valores diferentes em meses diferentes”, pontua Cezar.

*Evite deixar os equipamentos em stand by*
Qualquer equipamento eletrônico que tenha uma luz LED que se mantém acesa, verde ou vermelha, mesmo quando você desliga o equipamento, deve ser desconectado da tomada. É o caso de micro-ondas e televisores, por exemplo. “É um consumo mínimo, mas quando multiplicamos a quantidade de equipamentos ligados por 24h por dia ao longo de um mês, há um acréscimo importante na conta de energia”, explica Cezar. Segundo o Centro Brasileiro de Informação de Eficiência Energética (Procel Info), esse modo de espera pode representar até 20% do gasto mensal de energia elétrica.

*Fique atento ao ar-condicionado*
Já que é difícil resistir à tentação de usar o ar-condicionado para fugir do calor, é importante adotar boas práticas na hora de usar o aparelho. Assim, o especialista Frederico Cezar explica que é importante manter o ambiente que está sendo refrigerado bem fechado, além de manter a limpeza dos filtros do ar-condicionado sempre em dia.

Outra dica importante está relacionada à regulagem da temperatura. “Quanto menor a temperatura que você programar no seu aparelho de ar-condicionado, mais ele irá trabalhar para atingir o nível desejado. A melhor opção é manter a temperatura do equipamento entre 22°C e 25°C, que é a temperatura ideal para deixar o ambiente agradável”, explica.

Se você for comprar um ar-condicionado novo, uma sugestão é apostar na tecnologia inverter, que otimiza o processo interno de funcionamento do compressor do equipamento. “Em um aparelho comum, o compressor precisa usar uma energia maior ao ser ligado e, quando o ambiente atinge a temperatura escolhida, ele desliga automaticamente. No inverter, o compressor não desliga, apenas desacelera, o que faz com que ele tenha um consumo menor”, ressalta.

*Use a geladeira de forma inteligente*
Uma vez que a geladeira precisa ficar ligada o tempo inteiro para conservar os alimentos que estão guardados em seu interior, ela acaba representando uma parte importante da sua conta de energia. Mesmo assim, algumas atitudes podem ajudar a reduzir esse consumo. “Em vez de abrir a geladeira para pensar no que vai comer, seja objetivo e só abra para pegar o que você deseja. Além disso, não coloque alimentos com a temperatura elevada no equipamento, porque isso faz com que o sistema de refrigeração trabalhe mais para manter a temperatura interna”, elenca Frederico Cezar. Por fim, fique sempre atento às condições da borracha de vedação das portas da geladeira.

*Cuidado com o ferro de passar*
Para a hora de passar roupa, o especialista Frederico Cezar dá duas sugestões: junte o máximo de roupas que puder e aproveite a temperatura do ferro. “A temperatura é uma variável que muda lentamente. Então, ligue o ferro e, quando estiver quente, na hora de passar as últimas peças, pode desligá-lo, porque aquela temperatura será suficiente para passar a roupa, a depender da quantidade e do tecido das peças”, explica.


Prefeito de Senhor do Bonfim discute viabilidade para a implantação do Programa Sertão Forte em parceria com outros municípios


Na manhã desta segunda-feira (22), o prefeito de Senhor do Bonfim Laércio Junior e o vice-prefeito Elizeu Rios estiveram reunidos com os prefeitos de Ourolândia – José Raimundo Araújo e de Santa Luz – Arismário Barbosa para discutir uma possível parceria visando à implantação do Programa Sertão Forte, cujo objetivo é maximizar a produção e a renda do produtor rural no município.

Para o prefeito Laércio Junior, o enfrentamento das dificuldades vividas pelo produtor agropecuário requer políticas públicas e incentivos a produção e comercialização da produção e o Programa Sertão Forte seria uma boa opção.

O grande potencial de Senhor do Bonfim com a caprinovinocultura, foi apontado como o grande atrativo pelos gestores da Mesorregião do Centro Norte Baiano para propor ao prefeito de Senhor do Bonfim a adesão dos municípios ao Programa Sertão Forte. Durante o encontro foram apresentados os benefícios do programa que tem como objetivo reduzir as deficiências no setor de agropecuária e agroindústria, levando conhecimento, capacitação e crédito rural para o produtor e ainda garantia de mercado.

“Nós temos aqui em Senhor do Bonfim a melhor genética de caprinos e ovinos, o clima favorável e uma grande bacia leiteira. Nós temos também os produtores e as grandes matrizes. O que não temos é o incentivo de consumo para a produção em grande escala. Precisamos que esses projetos sejam expostos para o incentivo desses produtores. Porque se não tiver o consumo ou o mercado que absorva nossa produção, não adianta incentivar os nossos pequenos e médios produtores. A nossa região é muito favorável a esse segmento”, pontuou o vice-prefeito Elizeu Rios.

A reunião aconteceu na sala de reuniões e contou com a presença do Secretário de Desenvolvimento Agropecuário Paulo Terra Nova e do Secretário Executivo do Consorcio Piemonte Norte do Itapicuru – Antônio Cerqueira.

ASCOM – PMSB – Governo “O Novo Futuro”


Sicredi Vale do São Francisco divulga pesquisa destacando impacto das cooperativas de crédito na economia nacional


O cooperativismo de crédito incrementa o Produto Interno Bruto (PIB) per capita dos municípios em 5,6%, cria 6,2% mais vagas de trabalho formal e aumenta o número de estabelecimentos comerciais em 15,7%, estimulando o empreendedorismo local. Essas foram as principais conclusões da pesquisa ‘Benefícios Econômicos do Cooperativismo de Crédito na Economia Brasileira’, realizada pelo Sistema Sicredi em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Os resultados do estudo inédito, que avaliou dados econômicos de todas as cidades brasileiras com e sem cooperativas de crédito entre 1994 e 2017, e cruzou informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), foram recebidos com entusiasmo pelo Sicredi Vale do São Francisco. “Os principais municípios cobertos por nossa cooperativa de crédito (Petrolina – PE, Juazeiro e Senhor do Bonfim, na Bahia) estão entre os 1,4 mil cidades que obtiveram bom desempenho econômico durante o período da pesquisa”, ressaltou o presidente do Conselho de Administração da entidade, Antônio Vinícius Ramalho Leite.

A pesquisa, que utilizou a metodologia de Diferenças-em-Diferenças, principal método científico para avaliações de impacto de políticas públicas no mundo, também revela um impacto agregado nessas cidades de mais de R$ 48 bilhões em um ano. Ainda segundo o estudo, as cooperativas de crédito foram responsáveis pela criação de 79 mil novas empresas e pela geração de 278 mil empregos.

De acordo com Antônio Vinícius, esse bom desempenho pode ser explicado principalmente pela oferta de crédito com taxas de juros mais baixas e a participação dos associados nas decisões da cooperativa. “O Sicredi Vale do São Francisco vem obtendo um dos melhores desempenhos entre as 108 unidades do Sistema Sicredi em todo País. Com a perspectiva de chegar a R$ 500 milhões de ativos totais em 2023, vamos trabalhar para obtenção de sobras da ordem de R$ 15 milhões e uma carteira de crédito de R$ 150 milhões, além de chegar em 2024 com 9 mil associados”, estimou.

Segundo o Conselho Mundial de Cooperativas de Crédito (Woccu 2018), o cooperativismo de crédito está presente hoje em 118 países reunindo mais de 274 milhões de associados e ultrapassando a marca dos US$ 2,19 trilhões em ativos. No Brasil, de acordo com o Banco Central, o cooperativismo de crédito está presente em 47% dos municípios e representa 2,7% dos ativos totais do Sistema Financeiro Nacional.


Pesquisas revelam que pandemia contribuiu para modificar hábitos alimentares dos brasileiros


Movimentos como o Flexitarianismo ganharam força durante o isolamento social

Dados de uma pesquisa realizada em 2020 pelo The Good Food Institute Brasil (GIF), junto ao Ibope, indicam que metade dos brasileiros reduziu o consumo de carnes nos últimos 12 meses. Este é um reflexo não apenas da melhoria da percepção sobre a importância dos cuidados com a saúde e o organismo, mas também pelo respeito aos animais e a preocupação com o futuro do planeta.

Campanhas como a do Greenpeace Brasil, apontam para a criação de modelos de produção mais responsáveis e transparentes como uma possível solução para o desaceleramento dos efeitos do aquecimento global. “A produção de carne é responsável pela emissão de gases poluentes. Por isso, precisamos refletir sobre os limites dessa produção para a preservação de nossas florestas, o incentivo à agricultura familiar e a manutenção do clima global”, afirma em manifesto. A ONG recomenda a redução de 50% no consumo de carne e derivados até 2050 e defende que “a mudança começa no consumo individual”.

Outro fator que interfere nesses dados são os preços das carnes nos supermercados. Depois de um aumento de quase 18% em 2020, segundo o IBGE, a carne bovina continua registrando alta nos estabelecimentos comerciais, por causa de problemas climáticos e custos.

Este pode ser um estímulo para aderir a novas alternativas de alimentação, a exemplo do “plant-based” ou, simplesmente, dieta à base de alimentos vegetais integrais. “Uma alimentação adequada à base de vegetais integrais traz benefícios à saúde e auxilia na prevenção e tratamento de diversas doenças, como diabetes, pressão alta, obesidade, dislipidemia e câncer”, afirma a nutricionista Catarina Ikuta, professora do curso de Nutrição da Rede UniFTC. De acordo com a especialista, “desde que a alimentação seja nutricionalmente adequada, com fontes vegetais de proteína, ferro e cálcio, pode ser adotada em todas as fases da vida”, explica.

O conceito não deve ser confundido com o veganismo ou vegetarianismo, pois há vertentes do plant-based que consomem alimentos de origem animal (ovos, mel e laticínios), e há, ainda, os que eventualmente ingerem carne, mas em quantidade bastante reduzida. Ele está mais alinhado a um novo movimento denominado Flexitarianismo, que ganhou força mundialmente durante a pandemia, como mostrou a Pesquisa Global Sobre Hábitos Alimentares na Pandemia encomendada pela Herbalife Nutrition e conduzida pela One Poll.

O estudo foi realizado em 30 países, com um total de 28 mil indivíduos, entre eles 1.000 brasileiros, entre 22 de setembro e 6 de outubro e concluiu que, globalmente, 41% das pessoas fizeram uma grande mudança em sua dieta. Entre as novas medidas alimentares adotadas pela população, estão o aumento no consumo de frutas e verduras (51%), a ingestão de mais alimentos à base de plantas (43%) e o esforço para comer menos carne (43%).

No caso específico dos brasileiros, o aumento no consumo de frutas e verduras foi de 50%. Além disso, 45% contaram que estão ingerindo mais alimentos à base de plantas e 46% se esforçando para comer menos carne. A intenção de incorporar mais alimentos plant-based na dieta apareceu para 70% dos entrevistados, embora muitos deles ainda não saibam por onde começar.

O nutrólogo Washington Luiz de Jesus, docente do curso de Medicina da Rede UniFTC, destaca a importância de um acompanhamento adequado, visando evitar uma carência de nutrientes no organismo. “O Flexitarianismo é uma alternativa saudável, desde que se tenha cuidado com a procedência e o processamento dos alimentos ingeridos”, afirma. “Uma pessoa que decide adotar esse estilo de vida, deve ter sempre que possível a orientação de um profissional da área de nutrologia ou nutrição. O cuidado mais importante é ter uma ingestão alimentar o mais completa possível do ponto de vista dos nutrientes”, completa.

O médico alerta que é preciso, no entanto, ter cuidado com as substituições. “Como se trata de uma opção seletiva, não comer carnes, por exemplo, vai requerer uma recomposição alimentar que supra as necessidades de proteínas, aminoácidos e vitaminas que os alimentos de origem animal podem conferir”, explica. “Na atualidade, a indústria alimentícia dispõe de um número bastante expressivo de substitutos alimentares. Um profissional pode ser importante para orientar o uso adequado desses produtos, muitos deles enriquecidos, e que devem ser disponibilizados de acordo com as necessidades de cada pessoa”, conclui.

Dia Mundial Sem Carne

20 de março de 1985 foi a primeira vez que o Dia Mundial Sem Carne foi celebrado, nos Estados Unidos, através da ONG Farm. Atualmente, é comemorada no mundo todo, com ações de conscientização sobre os efeitos do consumo de carne e dos benefícios de uma dieta livre de animais.

MAIS INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

Ana Paula Marques – Assessoria de Comunicação UniFTC Salvador

[email protected]

77 98101-1254

Rafaela Anunciação – Assessoria de Comunicação UniFTC

[email protected]

71 99979-5578

Cyda Brito – Supervisora de Comunicação UniFTC

[email protected]

71 3281-8010 | 71 99981-0620 | 71 99933-8653


Ministério Público dá prazo de 90 dias para diretor do IPPN adotar medidas contra a Prefeitura por dívida previdenciária



O Ministério Público do Estado da Bahia, através da Promotoria de Justiça de Saúde emitiu na última quinta-feira (18) recomendação ao Diretor-Presidente do Instituto de Previdência de Ponto Novo para que em 90 dias adote as medidas judiciais ou extrajudiciais que entender cabíveis, a fim de obrigar o Município de Ponto Novo ao pagamento da dívida milionária junto ao IPPN, e, no mesmo prazo, informe ao Ministério Público as medidas adotadas, cumprindo assim as obrigações legais que lhe são inerentes.
A Recomendação veio após abaixo-assinado contendo dezenas de assinaturas de servidores públicos do município ser entregue à Promotoria, em Saúde, no ano de 2015, solicitando a interferência do órgão, e a apuração de responsabilidades em relação a frequente falta de repasse pela Prefeitura dos valores previdenciários devidos ao IPPN. Nesse período, diversas diligências foram realizadas, enquanto o Município e o Instituto apresentaram seus argumentos. Em agosto de 2017, o então presidente Sérgio Freire, formulou representação no MP contra o então prefeito Adelson Carneiro por suposto crime de apropriação indébita de contribuições previdenciárias devidas à entidade, bem como por ato de improbidade administrativa.
Os acordos de parcelamento nunca foram cumpridos na integralidade, e o rombo, se atualizado para os dias atuais, pode chegar a mais de 36 milhões de reais, entre contribuições patronais e de servidores que descontadas e não repassadas, segundo Parecer do Tribunal de Contas que julgou as contas de 2019 do ex-prefeito Prefeito Thiago Venâncio.
Na Promoção de Arquivamento, a promotora em substituição, Milena Moreschi, indeferiu a Representação do IPPN contra Adelson Carneiro, no tocante ao pedido cível (improbidade administrativa), já quanto ao pedido criminal, este deverá ser analisado em outro Procedimento Administrativo já em andamento, e que apurará o crime de apropriação indébita previdenciária.
Ainda assim, a promotora foi enfática ao expor a conveniência do Instituto de Previdência de Ponto Novo em relação à dívida por quase duas décadas: “Desse modo, se de fato existe algo que verdadeiramente salta aos olhos é a, por ausência de melhor palavra, serenidade com que o Instituto de Ponto Novo trata a dívida previdenciária municipal: aduz a peça vestibular que “desde o ano de 2002, tornou-se prática comum o não repasse municipal para o instituto de previdência, dos valores devidos a título de fundo previdenciário”, e em que pese o quase vigésimo aniversário de tal omissão, não são conhecidos relatos de que fora ajuizada ação de cobrança neste sentido pelo Instituto Previdenciário.”
Por fim, designou a instauração de Procedimento Administrativo de Acompanhamento, com confecção de portaria e demais providências de praxe, a fim de acompanhar os desdobramentos a partir da atividade comissiva do IPPN, bem como o status do pagamento da dívida pelo Município.

Por: Ponto Novo em Foco


Filadélfia: Jovens Adventistas do 7º dia comemoraram seu dia com Ação Voluntária.


Os jovens da Igreja Adventista Central da cidade de Filadélfia-BA, comemoraram o seu dia! E esse dia foi muito especial.

Fazer o bem e ações voluntárias é uma marca registrada dessa turma, e no último sábado dia 20/03/2021 foi mais um dia de ação voluntária, na ação os jovens levaram salada de frutas e a Palavra de Deus. As ações foram realizadas na Base do SAMU, Guarda Municipal, Hospital Municipal e na Guarnição da Polícia Militar da Bahia, da cidade de Filadélfia, na oportunidade foi mostrando também aos mesmos o quanto são importantes para a nossa sociedade!

Os jovens usaram todos os protocolos levando em consideração a pandemia da Covid-19.

Fonte: Diga News com informações da IASD no Facebook


UniFTC de Petrolina intensifica os cuidados na Praça Presidente Kennedy


Reafirmando seu compromisso social, a Rede UniFTC reforça os serviços de reparos e melhorias na Praça Presidente Kennedy, espaço público situado no município de Petrolina, que foi adotado pela instituição em março de 2019, por cinco anos, através do Programa de Parceria Público-Privada, intitulado “Nossa Praça”.

A equipe responsável pelo campus da UniFTC de Petrolina realizou no último dia 12 de março ações para conservação geral da praça, com pintura de meios-fios, dos bancos e escadarias, poda das árvores, grama, serviços de irrigação dos canteiros e árvores, além dos reparos elétricos essenciais para bom funcionamento dos refletores.

A ação durou dois dias e de acordo com informações do supervisor do campus, João Mendes, se repetirá duas vezes por mês. “Já o trabalho de limpeza, manutenção e irrigação dos canteiros acontecerá diariamente. A Rede UniFTC tem um papel fundamental no que diz respeito à responsabilidade social, por isso, somos orientados a cuidar de forma especial da praça, que é um dos mais belos pontos turísticos da cidade e recebe muitas pessoas da comunidade petrolinense constantemente”, sinalizou.

Praça Kennedy foi adotada pela Rede UniFTC em 2019

O local já recebeu diversos investimentos, como novo sistema de irrigação para manutenção do gramado em todos os canteiros e plantas ornamentais; iluminação em LED, os pisos foram substituídos por pedras portuguesas, seis mastros foram implantados para hasteamento das bandeiras da Bahia, Piauí, Pernambuco, Ceará, Alagoas e Rio Grande do Norte e mais 3 para as bandeiras do Brasil, Pernambuco e Petrolina.

O programa de requalificação em 2019 foi conduzido pelo arquiteto Cosme Cavalcanti, que tornou o local um memorial da II Guerra Mundial e deu ao espaço a primeira sinalização interpretativa do Nordeste.

Foram implantados na praça totens em homenagem às batalhas e grandes Vitórias da FEB, aos pracinhas e reverência aos pernambucanos que tombaram na guerra: Hermínio Antônio da Silva, Honório Corrêa de Oliveira Filho, José de Souza, Epitácio de Souza Lucena, Eutrópio Wilhelm de Freitas, Gonçalo de Paiva Gomes, José Graciliano Carneiro da Silva, Otávio Sinésio de Aragão, Walmir Ernesto Holder, Joaquim Xavier de Lira e José Gomes de Barros.