Filadélfia: Decreto do Poder executivo suspende funcionamento de estabelecimentos comerciais por 07 dias partir das 14h

DECRETO Nº. 017, DE 23 DE MARÇO DE 2020. “Dispõe sobre medidas temporárias no âmbito do território deste Município de Filadélfia/BA, de prevenção ao contágio pelo Novo Coronavírus (COVID-19), e dá outras providências.”   O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE FILADÉLFIA, Estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais, conferidas pela Lei Orgânica Municipal, CONSIDERANDO, … Leia Mais



COVID-19: sobe para 1.891 o número de casos, com 34 mortos, diz boletim

Segundo o balanço do Ministério da Saúde divulgado nesta segunda-feira (23), o número de casos confirmados de novo coronavírus (Sars-Cov-2) subiu para 1.891. Já o de mortes também aumentou para 34 mortes. O novo número de casos representa um aumento de 22% em relação aos 1.546 casos anunciados até domingo (22). Em relação as mortes, … Leia Mais



Bahia segue com 63 casos de Covid-19 – Nenhum novo caso nesta Segunda-Feira

Nenhum caso de coronavírus (Covid-19) foi confirmado na Bahia na tarde desta segunda-feira (23). A Bahia totaliza 63 pacientes confirmados com coronavírus, 725 foram descartados e não há óbitos registrados. Todos os casos foram importados ou de transmissão local. Os municípios com casos positivos são estes: Salvador (37), sendo que um caso é importado, visto … Leia Mais


Governador anuncia novos leitos de UTI para pacientes com coronavírus e abertura de 16 UPAs para triagem no interior


O governador Rui Costa anunciou novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes com coronavírus, assim como a abertura de 16 novas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), ainda não inauguradas, para fazer atendimento de triagem no interior. As informações foram divulgadas durante entrevista à TVE BAhia e Rádio Educadora, nesta segunda-feira (23).
“Vamos contar com 100 UTIs instaladas no Hospital Couto Maia, parte delas montadas na área do estacionamento do Couto Maia, e outras 100 no Hospital do Subúrbio. Estamos também avaliando colocar outros leitos na Arena Fonte Nova”, afirmou Rui.
De acordo com o governador, até este momento, o atendimento aos pacientes diagnosticados com coronavírus continua concentrado em Salvador. Os hospitais Couto Maia e Ernesto Simões, além do Hospital Espanhol, já foram designados para atender com exclusividade os casos confirmados da doença.
No interior, 16 novas UPAs vão receber pessoas que estão com sintomas da doença. “A ideia é que as UPAs façam a classificação, realizem o manejo clínico, estabilizem o paciente e façam a regulação para unidades de referência secundária ou terciária. Todas as estruturas em análise não estavam em funcionamento”, informou o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas.

Os equipamentos estão nos seguintes municípios: Alagoinhas, Araci, Brumado, Catu, Conceição do Coité, Gandu, Lauro de Freitas, Ipiaú, Itamaraju, Itacaré, Jaguaquara, Morro do Chapéu, Santo Antonio de Jesus, Serrinha, Tucano e Valença.


Instituto Couto Maia já atende exclusivamente pacientes de coronavírus


O Instituto Couto Maia (Icom) já está atendendo exclusivamente aos pacientes com suspeita de Covid-19 (coronavírus). Na manhã desta segunda-feira (23), a unidade atendeu 20 pacientes suspeitos de coronavírus, nenhum ainda confirmado. Também desde esta segunda-feira (23), o Hospital Geral Ernesto Simões Filho (HGESF) está atendendo exclusivamente pacientes que necessitem de internação com diagnóstico positivo para o coronavírus. O próximo a integrar a rede será o Hospital Espanhol, que está recebendo as requalificações necessárias para a função.
Segundo a diretora-geral do Icom, a médica-infectologista Ceuci Nunes, ao todo, a unidade dispõe de 120 leitos, mais doze de observação. “E todos agora são dedicados ao coronavírus. Nós fizemos várias modificações na unidade, para comportar esse atendimento. Fizemos modificação de fluxo de entrada e saída de pacientes, modificações na estrutura para instalar leitos de UTI”.
Ceuci Nunes informa que, dos 120 leitos disponíveis, 42 já estão equipados para servirem de UTI. “Mas este número será ampliado de acordo com as adequações das redes elétricas, de gases, e outras coisas que já estão sendo realizadas”. A diretora-geral destaca que o Icom não é um hospital de portas abertas. “É importante as pessoas saberem que este é um hospital terciário, que a entrada aqui é feita através da regulação”. Ela também ressalta que, com as mudanças na rotina do Icom, ninguém fica desassistido. “A maioria dos nossos pacientes que estavam internados aqui foi para o hospital Otávio Mangabeira, mas há outras unidades da rede preparada para recebê-los”.
Dedicação exclusiva
Para Ceuci, é importante que haja hospitais dedicados exclusivamente ao coronavírus. “Como a gente viu, pela experiência internacional, o Covid-19 é muito transmissível e nós teremos um grande número de pessoas contaminadas. A maioria dessas pessoas, cerca de 80%, não ficará em estado grave e não vai precisar de ficar em respiradores. Mas muita gente vai precisar de leitos de UTI e isso pode levar a grandes problemas no sistema de saúde e é por isso que a gente dedicou esse hospital, assim como outros, ao coronavírus”. Ela também destaca que, como a transmissão é muito grande, e o Icom era um hospital de doenças infecto-contagiosas, os pacientes de outros diagnósticos estão com a imunidade baixa e não podem ser expostos ao coronavírus.
Ernesto Simões
Desde esta segunda-feira (23), o Hospital Geral Ernesto Simões Filho (HGESF) atenderá exclusivamente pacientes que necessitem de internação com diagnóstico positivo para o Covid-19. A medida faz parte de uma série de ações de preparação da rede estadual para absorver o eventual crescimento de casos graves. A unidade possui 164 leitos, sendo 54 de UTI.
Neste cenário, a unidade não atenderá casos de urgência e emergência, apenas pacientes regulados. A população que necessite de atendimento de urgência e emergência deve se dirigir a outras unidades, tais como a UPA de San Martin, UPA de São Caetano, Unidade de Emergência do Curuzu e 16º Centro de Saúde – Maria Conceição Imbassahy.
Hospital Espanhol
A justiça autorizou a reabertura temporária do Hospital Espanhol para o atendimento aos pacientes do coronavírus. De acordo com o governador Rui Costa, a adequação já começou, com dedetização. Também está sendo feita a higienização e os devidos reparos. Já os profissionais que vão trabalhar na unidade serão contratados pelo governo em formato a ser definido junto à Sesab.
A ocupação temporária do Hospital Espanhol foi solicitada pela Procuradoria Geral do Estado e autorizada pela justiça federal na terça-feira (17), para uso da unidade como hospital de campanha durante o período de crise na saúde pública causada pela pandemia do Covid-19. O primeiro hospital para atendimento em Salvador segue sendo o Couto Maia, em Cajazeiras. A unidade terá a disposição 160 leitos, sendo 80 de UTI.
Fotos: Fernando Vivas/ GOVBA

Boletim Coronavírus: Bahia confirma 63 casos de Covid-19


Oito novos casos de coronavírus (Covid-19) foram confirmados na Bahia até às 11 horas desta segunda-feira (23). Com estes casos, a Bahia totaliza 63 pacientes confirmados com coronavírus, 601 foram descartados e não há óbitos registrados. Todos os casos foram importados ou de transmissão local.

Os municípios com casos positivos são estes: Salvador (37), sendo que um caso é importado, visto que o paciente reside na cidade de Mossoró, no Rio Grande do Norte; Porto Seguro (8); Feira de Santana (6); Lauro de Freitas (3); Prado (2); Itabuna (1); Camaçari (1); Barreiras (1); Conceição do Jacuípe (1); Juazeiro (1); Jequié (1 – caso importado de São Paulo); Brumado (1 – caso importado de Belo Horizonte). Todos os pacientes encontram-se em isolamento domiciliar, adotando as medidas de precaução respiratória e de contato.

Ressalta-se que os números são dinâmicos e na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação.

É importante pontuar que o paciente com diagnóstico positivo para o novo coronavírus pode cursar com grau leve, moderado ou grave. A depender da situação clínica, pode ser atendido em unidades da atenção básica, unidades secundárias ou precisar de internação. Mesmo definindo unidades de referência, não significa que ele só pode ser atendido em hospital.

Os casos graves devem ser encaminhados a um hospital de referência para isolamento e tratamento. Os casos leves devem ser acompanhados pela Atenção Primária em Saúde (APS) e instituídas medidas de precaução domiciliar.

O diagnóstico do coronavírus é feito com a coleta de materiais respiratórios (aspiração de vias aéreas ou indução de escarro). Na suspeita de coronavírus, é necessária a coleta de uma amostra que será encaminhada para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-BA). Para confirmar a doença, é necessário realizar exames de biologia molecular que detecte o genoma viral. O diagnóstico do coronavírus é feito com a coleta de amostra, que está indicada sempre que ocorrer a identificação de caso suspeito. Outras informações podem ser obtidas no link: www.saude.ba.gov.br/coronavirus.

Diagnóstico laboratorial de infecção pelo SARS-CoV-2

Pacientes com suspeita de COVID-19 devem ter amostras coletadas e enviadas para o Lacen-BA quando estiverem em um dos seguintes critérios abaixo-relacionados:

1. Pacientes com sinais de gravidade, Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) ou internados;
2. Pacientes sem sinais de gravidade contactantes de caso de COVID-19 suspeito ou confirmado, ou com histórico de viagem recente ao exterior em países com circulação do SARS-CoV2, e regiões do país com transmissão comunitária sustentada;;
3. Profissionais de saúde com sintomas respiratórios suspeitos de COVID-19;
4. Gestantes com sintomas respiratórios suspeitos de COVID-19;
5. Pessoas com febre, suspeitas de infecção, triadas nos Aeroportos, Portos e nas Estradas

Observação: pacientes que não se enquadrem nas situações acima não tem indicação para coleta de amostras


Primeiro caso de COVID 19 é confirmado em Juazeiro


ASCOM em 23/mar/2020 –

Débora Sousa/SESAU

A Secretaria Municipal da Saúde, no âmbito de sua responsabilidade social e de saúde pública, informa que nesta segunda-feira, (23) recebeu o primeiro resultado POSITIVO para coronavírus na cidade. A SESAU vem divulgando diariamente os números de notificações na cidade tanto para o COVID 19 como também para o H1N1.

A Secretaria da Saúde informa ainda que o paciente está em quarentena desde que chegou a Juazeiro e sob monitoramento da equipe de Vigilância Epidemiológica. Para a secretária de Saúde, Fabíola Ribeiro, as medidas preventivas adotadas pela gestão municipal precisam ser cumpridas pela população.

“Estamos trabalhando há algumas semanas para evitar que o COVID 19 afetasse a nossa população, mas infelizmente Juazeiro tem agora o primeiro caso confirmado. O paciente é do sexo masculino, está sendo monitorando e acompanhando, não apresenta nenhum agravo e nem complicação em seu quadro de saúde. Reforçamos à população que é necessário e obrigatório o isolamento domiciliar”, explicou Fabíola.

Hoje (23), a atualização é a seguinte: 38 notificações para H1N1 e, destes, nove estão confirmados, inclusive com dois óbitos. Outros oito resultados já foram descartados e 21 continuam em investigação. Para o coronavírus, Juazeiro tem: 13 notificados, seis descartados, seis em investigação pelo Laboratório Central (LACEN) em salvador e um confirmado.


Paraguaios cavam valas para impedir que brasileiros entrem no país e governo decreta isolamento total


Um movimento comunitário está cavando valas na cidade de Ypejhú, na fronteira com o município sul-mato-grossense de Paranhos. O trabalho começou nesta sexta-feira (20), e se segundo os moradores, tem objetivo de impedir o acesso de brasileiros, com veículos, ao país que está de quarentena, estendida até o dia 12 de abril. Em Pedro Juan Caballero, vizinha à brasileira Ponta Porã, moradores colocaram pneus, fitas e tambores para impedir a passagem de veículos e pedestres. O Exército paraguaio está monitorando a fronteira dos dois países, na região de Pedro Juan Caballero, deste quarta-feira (18), quando a fronteira foi oficialmente fechada. De acordo com o governo do Paraguai, só podem entrar no país paraguaios ou residentes. Durante a semana, o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, já havia anunciado o fechamento da Ponte Internacional da Amizade, na fronteira com o Brasil, que liga Cidade del Leste a Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. Nesta sexta, o Paraguai endureceu as medidas de combate ao coronavírus. Além de estender a quarentena, o governo decretou isolamento total a partir deste sábado (21) durante uma semana. O país tem 18 casos da doença e 1 morte confirmada. As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 12h30 deste sábado (21), 1.021 casos confirmados de novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil em 25 estados e no Distrito Federal.


Estádio em Brasília será hospital de apoio contra coronavírus


Ibaneis Rocha (MDB), governador do Distrito Federal, afirmou, nesta sexta-feira (20), que usará o Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha no combate à pandemiado novo coronavírus. O estádio será utilizado como centro de triagem ou hospital de campanha, destaca o site Metrópoles. A Policlínica da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e um hospital particular de Águas Claras também serão utilizados exclusivamente para tratamento de pacientes da Covid-19.


Coronavírus: Exército suspende férias de militares e pode ser acionado


Brasília – Segurança reforçada no Palácio do Planalto durante manifestação na Esplanada dos Ministérios (Valter Campanato/Agência Brasil)

 

O Exército está preparado para ser acionado para ajudar a conter a pandemia de coronavírus e suspendeu a concessão de férias a militares, segundo a coluna de Guilherme Amado, da revista Época.

Segundo a publicação, a informação sobre a preparação consta de um documento da última quarta-feira, assinado pelo general José Luiz Dias Freitas, comandante de Operações Terrestres.

O documento prevê a “manutenção de um efetivo mínimo para atender a eventuais futuras demandas futuras do Ministério da Saúde, no contexto da contenção da pandemia do coronavírus”.

Já a decisão sobre a suspensão das férias está em um comunicado da última quinta-feira, assinado pelo general Sérgio da Costa Negraes, chefe do Comando Militar do Planalto.

O documento diz que medidas como essa visam a manter a “capacidade operacional dos quartéis”. O Comando Militar do Planalto é a região militar que abrange o Distrito Federal, Goiás, Tocantins e parte de Minas Gerais. (bahia.ba)

 

 


Coronavírus: Suspensão de transporte intermunicipal chega a 23 cidades na Bahia


O Governo do Estado decidiu estender a suspensão do transporte intermunicipal para mais quatro cidades baianas. Nesta segunda-feira (23), foi interrompido o funcionamento das rodoviárias de Brumado, Jequié, Conceição do Jacuípe e Juazeiro. Com a medida, que tem como objetivo o controle e prevenção do novo coronavírus, a Bahia passa a ter 23 cidades com transporte intermunicipal suspenso.
A decisão tem validade de dez dias, a partir da zero hora desta segunda-feira (23). Os ônibus foram autorizados a entrar no terminal rodoviário dessas cidades até as 9h de hoje. O decreto do governador Rui Costa regulando esta medida inclui toda modalidade de transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário.
Os outros 19 municípios com transporte suspenso são Salvador, Feira de Santana, Entre Rios, Correntina, Santa Maria da Vitória, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Camaçari, Guanambi, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Simões Filho, Porto Seguro, Prado, Itabuna, Ilhéus, Itacaré, Vitória da Conquista e o Terminal de Bom Despacho, em Itaparica.

Secretaria da Saúde do Estado garantirá acesso ao medicamento Hidroxicloroquina para todos os pacientes que precisarem


A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia garantirá o acesso ao medicamento Hiroxicloroquina 400mg para todos os pacientes com diagnóstico de lúpus eritematoso sistêmico, lúpus cutâneo, artrite reumatoide, dermatomiosite e polimiosite, mesmo que não estejam cadastrados no Sistema Único de Saúde (SUS) para receber gratuitamente.

De acordo com o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, “a medida visa garantir o tratamento de modo integral para todos os baianos, tendo em vista a dificuldade em adquirir o medicamento nas farmácias”, afirma.

Os interessados deverão enviar, preferencialmente, um e-mail para [email protected], com a documentação que atenda aos requisitos da Nota Informativa n°4.

Na indisponibilidade do paciente enviar por e-mail, poderá entregar a documentação nos seguintes locais: Capital: FIMAE, localizado na Praça Conselheiro João Alfredo, s/nº – Pau Miúdo. O telefone de contato é 3117-1645, Já no interior, serão nas farmácias dos Núcleos Regionais de Saúde (NRS).

O superintendente de Assistência Farmacêutica, Ciência e Tecnologia em Saúde (Saftec), Luiz Henrique Gonzales d’Utra, esclarece que serão exigidos somente alguns dos documentos e exames definidos pelo Protocolo do Ministério da Saúde, afim de garantir a segurança do paciente. “Os documentos serão avaliados com brevidade por profissional habilitado e em caso de deferimento, o paciente será informado por e-mail e telefone o dia para comparecimento na farmácia. A quantidade de medicamento liberada na farmácia poderá ser para até três meses de atendimento, a depender da quantidade de estoque disponível no momento da retirada”, afirma o superintendente.


Filadélfia: Decreto do Poder Executivo regulamenta o funcionamento do comércio local e designa local para preparar leitos e todas as medidas necessárias para combater o COVID-19


DECRETO Nº. 016, DE 22 DE MARÇO DE 2020. “Dispõe sobre medidas temporárias no âmbito do território deste Município de Filadélfia/BA, de prevenção ao contágio pelo Novo Coronavírus (COVID19), especificamente em relação à feira livre e dá outras providências.”

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE FILADÉLFIA, Estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais, conferidas pela Lei Orgânica Municipal, CONSIDERANDO, que o Ministério da Saúde, por meio da Portaria N.º 188, de 03/02/2020, declarou emergência em Saúde Pública de importância nacional em decorrência da infecção humana pelo Novo Coronavírus (2019-nCov);

CONSIDERANDO, que na data de 11 de Março de 2020, a OMS – Organização Mundial da Saúde declarou que a COVID-19, nova doença causada pelo Novo Coronavírus, denominado SARS-CoV-2, é uma pandemia;

CONSIDERANDO que a situação demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença neste Município;

CONSIDERANDO a EXISTÊNCIA DE CASOS SUSPEITOS DE INFECÇÃO pelo COVID-19, no Município;

CONSIDERANDO que medidas proporcionais às condições de saúde pública estão sendo tomadas gradativamente e em tempo oportuno;

DECRETA: Art. 1° – Além das medidas aplicáveis ao Município constantes dos últimos Decretos Municipais, ficam determinadas, com o objetivo de isolamento social, no âmbito deste Município, por tempo indeterminado, as seguintes medidas:

I – Ficam suspensos: O uso do balneário municipal, o funcionamento das academias e similares, dos bares, das distribuidoras de bebidas alcoólicas e afins (sendo permitida apenas a retirada no balcão, serviço de drive thru e tele-entrega), reuniões em associações, sindicatos e cooperativas, bem assim, aniversários;

II – Salões de Beleza devem realizar suas atividades por agendamento junto aos seus clientes;

III – Fica proibido, aos produtores e aos fornecedores de bens ou de serviços essenciais à saúde, à higiene e à alimentação de elevar, excessivamente, o seu preço ou exigir do consumidor vantagem manifestamente excessiva, em decorrência da epidemia causada pelo COVID-19;

IV – Ficam proibido, excursões, cursos presenciais e a prestação de serviços de moto táxis que não possuam capacetes próprios;

V – Fica determinada a vedação de consumo de alimentos em restaurante, lanchonetes e similares, sendo permitido apenas a retirada no balcão, serviço de drive thru e tele-entrega;

VI – Fica determinado que os fornecedores e comerciantes estabeleçam limites quantitativos para a aquisição de bens essenciais à saúde, à higiene e à alimentação, sempre que necessário para evitar o esvaziamento do estoque de tais produtos;

VII – Fica determinado que os estabelecimentos comerciais em funcionamento fixem horários ou setores exclusivos para atender os clientes com idade superior ou igual a 60 anos e aqueles de grupos de risco, evitando ao máximo a exposição ao contágio pelo COVID-19 (novo Coronavírus);

VIII – Fica determinado que os estabelecimentos comerciais e afins em funcionamento adotem sistemas de escalas, de revezamento de turnos e alterações de jornadas, para reduzir fluxos, contatos e aglomerações de trabalhadores, bem como implementem medidas de prevenção ao contágio pelo COVID-19 (novo Coronavírus), disponibilizando material de higiene e orientando seus empregados de modo a reforçar a importância e a necessidade:

  1. a) Da adoção de cuidados pessoais, sobretudo da lavagem das mãos, da utilização de produtos assépticos durante o trabalho, como álcool em gel setenta por cento, e da observância da etiqueta respiratória; e
  2. b) Da manutenção da limpeza dos instrumentos de trabalho.

IV – Determino a suspensão da entrada de ônibus ou similares no Território deste Município;

X – Determino a cessão temporária de uso das instalações a Unidade Educacional Alice Lopes Maia a Secretária Municipal de Saúde para preparar leitos e todas as medidas necessárias para combater o COVID-19 (novo Coronavírus);

XI – Casas Lotéricas, Correspondentes Bancários, Bancos e similares devem seguir orientações do Comitê de Operações de Emergência em Saúde Pública – COE, quanto ao seu funcionamento, formação das filas e demais situações ocorrentes.

Art. 2º – O não cumprimento das medidas estabelecida no presente Decreto será caracterizado como infração à legislação municipal e sujeitará o infrator ás penalidades e sanções aplicáveis, inclusive, no que couber, cassação de licença de funcionamento sem prejuízo das imputações na esfera penal (Artigos 131 e 268 do Código Penal Brasileiro).

Art. 3º – Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de Filadélfia (BA), em 22 de Março de 2020.

LOURIVALDO PEREIRA MAIA

Prefeito Municipal