Jovem de Ponto Novo desaparece após viajar para Feira de Santana

Uma jovem identificada por Naiara Reis Costa, moradora de Nova Represa interior do município de Ponto Novo está desaparecida há mais de um mês. De acordo com informações de familiares ela saiu informando que estaria viajando para Feira de Santana, após a viagem não foram obtidas informações nem respostas da mesma. Informações sobre o paradeiro … Leia Mais


Agrovale suspende doação de palhada com o fim da safra 2021

A Agrovale divulgou nota na manhã desta quinta-feira (21), informando que vai encerrar, no final desse mês, as doações de palhada (alimento animal volumoso decorrente da produção de cana-de-açúcar), em consequência do fim da safra 2021. Com a garantia de que será mantida a programação prevista até o final do estoque, a empresa sucroalcooleira adiantou … Leia Mais



Outubro Rosa: prevenção e cuidados com o câncer de mama

Desde o dia 1º desse mês, a Unimed Vale do São Francisco vivencia o Outubro Rosa, movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama que compartilha informações e propícia maior acesso aos serviços de diagnóstico e tratamento, visando a redução da mortalidade por essa doença. O câncer de mama atingiu, só no … Leia Mais


UniFTC de Juazeiro abre edital para contratação de professor de Odontologia

As inscrições são gratuitas e serão encerradas dia 26 de outubro A faculdade UniFTC de Juazeiro está com oferta de 1 vaga e cadastro de reserva para composição do quadro docente do curso de Odontologia. Os interessados em participar do processo seletivo podem se inscrever até dia 26 de outubro, conforme orientações discriminadas no edital … Leia Mais


Ponto Novo: Homem morre afogado em tanque no interior do município


Um homem identificado como Júlio Santos Pereira, de 37 anos, morreu afogado em um tanque na tarde desta quinta-feira (21), na localidade de Nova Represa, interior do município de Ponto Novo.

De acordo com informações, o caso ocorreu por volta das 14h, após a vítima estava pescando e decidiu ir banhar em um tanque e acabou se afogando é indo à óbito.

O corpo foi encontrado por moradores da região. Logo após o afogamento a Polícia Civil de Ponto Novo foi acionada e uma equipe se deslocou até o local para os devidos procedimentos legais.

A perícia técnica foi acionada e compareceu ao local. O corpo foi removido ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), em Senhor do Bonfim.

Da redação: Web Interativa


No Cazaquistão, governador Rui Costa se reúne com ministros e agência de investimentos.



Em seu primeiro compromisso na Ásia, na missão internacional que começou na última segunda-feira (18), o governador Rui Costa chegou à cidade de Nursultan, capital do Cazaquistão, onde apresentou oportunidades de negócios na Bahia a autoridades do país. Nesta quarta-feira (20), Rui esteve nos ministérios das Relações Exteriores, do Comércio e Integração e foi recebido pela agência oficial de investimentos e estímulo à exportação, a Kazakh Invest.
O objetivo é aumentar os investimentos do Cazaquistão, que já tem negócios na Bahia, nos setores de mineração e transporte. “Foi um dia extenso, de muitas agendas, tratando de parcerias em áreas que vão além da mineração, como o agronegócio, petróleo e gás. É aumentando o relacionamento que vamos aumentar a geração de emprego e renda para nossa gente”, afirmou o governador ao final dos encontros. O Cazaquistão está 9 horas à frente do horário da Bahia.
O ministro adjunto das Relações Exteriores do Cazaquistão, A. Rakhmetullin, disse que o país trabalha para ampliar as relações comerciais com o Brasil e vê na Bahia um grande parceiro. Ele convidou o Governo do Estado a participar de um grupo de trabalho criado no Itamaraty com esse objetivo. “Vocês são a primeira comitiva de um governo estadual brasileiro a vir ao Cazaquistão. É um gesto importante e estamos dispostos a ampliar a relação bilateral. Vamos atuar para concretizar negócios entre Cazaquistão e Bahia”, destacou o ministro.
O Cazaquistão já investe na Bahia, com uma mina de minério de ferro em Caetité, a construção da Ferrovia Oeste Leste (Fiol) e o Porto Sul, em Ilhéus, num total que pode chegar a R$ 15 bilhões. Por outro lado, o país também tem uma posição estratégica na Ásia Central, localizado entre a China e a Rússia, e pode ser um mercado a ser explorado por empresas exportadoras baianas.
“O que eu tenho ressaltado aqui é a busca de tornar complementares as duas economias. Integrar naquilo que podemos somar esforços para gerar renda. É evidente que o Cazaquistão busca gerar emprego e renda aqui e nós, na Bahia, temos que ir atrás do que nos complementa, contemplando Bahia e Cazaquistão”, acrescentou o governador.
A comitiva baiana também foi recebida pelo ministério do Comércio e Integração, responsável pela política comercial cazaque. As negociações iniciadas hoje visam estabelecer uma via de comércio direto entre a Bahia e o Cazaquistão, com potencial para exportação de produtos do agronegócio baiano, como grãos, frutas e cacau, que atualmente chegam ao Cazaquistão de forma indireta.
No último compromisso na capital, Rui apresentou oportunidades da economia baiana para a agência de fomento a exportações e investimentos do Cazaquistão, a Kazakh Invest. Além da Bahia, o governador destacou o potencial do Nordeste, com nove estados e 54 milhões de habitantes. “Ficou acertado que iremos receber uma missão técnica do Cazaquistão agora em novembro e, no início do ano que vem, uma comissão de empresários interessados em investir no Brasil, na Bahia e no Nordeste”, explicou o governador.

Fotos: Daniel Senna/GOVBA


UniFTC de Juazeiro realiza ação de Responsabilidade Social com distribuição de sopão para comunidade carente



Movimento do Bem foi conduzido pelo Colegiado do curso de Nutrição e beneficiou em torno de 100 moradores de rua

 

Reafirmando seu compromisso social, a Rede UniFTC, através do Colegiado do curso de Nutrição da faculdade UniFTC de Juazeiro, realizou nesta terça-feira (19), ação solidária com distribuição de sopa para população carente do município. O Movimento do Bem foi comandado pela professora Arianny Amorim e alunos do 7º período em comemoração ao Dia Mundial de Alimentação, celebrado no último dia 16 de outubro. Cerca de 100 moradores de rua receberam a sopa preparada pela turma.

 

O objetivo foi desenvolver uma reflexão a respeito da realidade atual da alimentação no Brasil e em Juazeiro. Segundo a professora Arianny, os alunos organizaram a iniciativa comunitária e buscaram parcerias, arrecadando doações de alimentos, como verduras, macarrão, colheres, saquinhos plásticos para conservar os pães, embalagens, etc.  Os alunos também aproveitaram para festejar os 80% do curso.

 

O sopão solidário foi preparado pela turma no laboratório de Técnica e Dietética da UniFTC de Juazeiro. Foram utilizadas técnicas de conservação de alimentos e cuidados necessários para perdas mínimas de nutrientes. Em seguida, o importante elemento da Gastronomia foi distribuído de forma segura e seguindo os protocolos para evitar a disseminação da Covid-19, para pessoas em situação de vulnerabilidade social em alguns pontos da cidade.

 

Um dos focos da ação foi levar alento, cuidado e atenção, garante a professora. “É importante ver a presença e engajamento dos estudantes. A Rede UniFTC é uma instituição que prioriza a responsabilidade social, e nosso propósito é incentivar atividades como esta e levar esse sentimento de amparo e amor ao próximo ao corpo acadêmico”, ressaltou  Arianny Amorim.

Os alunos falaram da felicidade de poder minimizar a fome e desigualdade social. De acordo com a aluna Ester Arraes, o ato trouxe muito aprendizado e reflexão. “Alimentação é vida e saúde. É tão bom fazer o bem sem olhar a quem. Dar vida e saúde à sociedade em situação de fragilidade e incapacidade. É gratificante que as pessoas se sintam acolhidas. A comunidade carente precisa do alimento, mas também necessita de atenção. Não é só combater a fome, é dar amor”, desabafou.

Na oportunidade, Ester elogiou a Rede UniFTC. “É recompensador estudar numa instituição de ensino que veste a camisa da Responsabilidade Social. Estou muito satisfeita pelo apoio. Em Movimento pelo Bem sempre”, finalizou a aluna.

O movimento solidário foi promovido com o intuito de reduzir a insegurança alimentar, e reforçar a atenção nutricional, diminuindo a fome de muitas pessoas, completa a professora do curso de Nutrição da UniFTC de Juazeiro, Arianny Amorim. “Tivemos todo cuidado microbiológico na produção da sopa e armazenamento. Ela foi entregue aos moradores de rua assim que ficou pronta, bem quentinha e saudável. Elaboramos uma sopa com muitos nutrientes, vitaminas e proteína”, explicou.

A estudante Pamella Jacqueline dos Santos disse que aprendeu durante o curso de Nutrição que a saúde é um direito de todos e dever do Estado. “Este artigo da Constituição vem só confirmar que a alimentação também é direito de todos. Infelizmente em nosso país muitas pessoas vivem situação difícil. E se cada um fizer sua parte, podemos mudar o cenário do Brasil”, argumentou.

Como estudante da UniFTC compreendi a importância de compartilhar um pouco o que temos. A nutrição vai muito além de um prato de comida. É essencial nutrir,cuidar, promover saúde, proteger e compartilhar um pouco de amor. No meu coração só gratidão por esse movimento da UniFTC de Juazeiro”, conclui Pamella.


Sicredi destaca o crescimento do segmento no Dia Internacional das Cooperativas de Crédito


Com o mote de “Construindo Saúde Financeira para um Futuro Melhor”, a data busca valorizar o papel das cooperativas no apoio à sociedade

O Dia Internacional das Cooperativas de Crédito (DICC), celebrado anualmente na terceira quinta-feira de outubro, será comemorado neste ano no dia 21. A data destaca a contribuição e as transformações positivas geradas pelo segmento na sociedade. Como a primeira instituição financeira cooperativa do Brasil, o Sicredi também aproveita a data para disseminar conhecimento sobre o modelo de negócio cooperativo, abordando seu crescimento e atuação, que hoje compreende 25 estados e o Distrito Federal com mais de 5 milhões de associados, como exemplo do segmento.

O crescimento das cooperativas de crédito tem sido evidenciado pelo Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito (World Council of Credit Unions – Woccu, na sigla em inglês). Os registros mais recentes contemplam que o segmento conta com mais de 375 milhões de associados e 86 mil cooperativas de créditos em 118 países. A taxa de penetração do segmento – que é calculada dividindo o número total de membros de cooperativas de crédito pela população em idade economicamente ativa de 15 a 64 anos – é de 12,18% no mundo, 16,47 % na América Latina e 8,13% no Brasil. Já nos Estados Unidos e Canadá, essa taxa apresenta 58,6% e 42,2% respectivamente.

No Brasil são 11,9 milhões de associados (sendo 10,2 milhões pessoas físicas e 1,7 milhão pessoas jurídicas) em 847 cooperativas, que somam cerca de 371,8 bilhões em ativos totais, segundo Panorama do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC) 2020. Esses dados representam um crescimento no número de associados, com aumento total de 9,4% em relação a 2019 e um salto de 42,1% se comparado há cinco anos, em 2016.

Parte integrante do SNCC, o Sicredi conta atualmente com mais de 5 milhões de associados em 108 cooperativas de crédito. A instituição está presente em mais de 1,5 mil municípios, com mais de duas mil agências e 30 mil colaboradores. Os ativos atingiram em agosto deste ano R$ 189,1 bilhões, crescimento de 28,6% em relação ao mesmo período de 2020. A carteira de crédito alcançou R$ 117,6 bilhões, alta de 43,2%, e os depósitos totalizam R$ 128,9 bilhões, aumento de 33,1%. O patrimônio líquido é de R$ 23,4 bilhões, o que representa um aumento de 21,7%.

Expansão para gerar benefício às economias locais
Em setembro, a instituição financeira cooperativa deu mais um passo significativo com seu projeto de expansão no território nacional e marcou sua chegada ao Espírito Santo com a inauguração de duas agências na cidade de Colatina, passando a estar presente em 25 estados brasileiros e no Distrito Federal. Atualmente, em mais de 200 cidades, a única com presença física. Com 141 novas agências inauguradas até o momento, a expectativa é de abertura de aproximadamente 200 até o final deste ano.

O crescimento do modelo cooperativo no Brasil traz benefícios econômicos importantes, é o que mostrou uma série de estudos realizados a pedido do Sicredi chamada “Os benefícios econômicos do Cooperativismo de Crédito”. O primeiro deles, realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), analisou dados econômicos de todas as cidades brasileiras com e sem cooperativas de crédito entre 1994 e 2017 e cruzou informações do Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE). O trabalho concluiu que o cooperativismo de crédito incrementa o Produto Interno Bruto (PIB) per capita dos municípios em 5,6%, cria 6,2% mais vagas de trabalho formal e aumenta o número de estabelecimentos comerciais em 15,7%, estimulando, portanto, o empreendedorismo local.

Além do estudo realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), outros dois estudos, um conduzido pelo especialista em Microeconomia Aplicada e Desenvolvimento Econômico, Juliano Assunção, pesquisador do Departamento de Economia da PUC-Rio, e pela equipe econômica do Sicredi reforçam a capacidade que as cooperativas têm de gerar valor e impactar munícipios menores.
O primeiro deles indica que as cooperativas conseguem operar em cidades com PIB a partir de R$ 79 milhões, enquanto para os bancos públicos é necessário um PIB mínimo de R$ 146 milhões e, para um banco privado, R$ 220 milhões. Já o estudo do Sicredi avaliou a atuação dos bancos privados, públicos federais e regionais, e instituições financeiras cooperativas entre 2010 e 2018, que trouxeram evidências de que, comparada às demais, a rede de atendimento cooperativo está em locais de mais difícil bancarização, ou seja, em regiões que são mais complexas para a rede bancária tradicional conseguir operar.
Complementar ao segundo trabalho, o terceiro estudo da série, buscou quantificar e tornar comparável o esforço necessário para a atuação nas localidades. Para isso, a equipe de economistas do Sicredi desenvolveu o Índice de Presença Bancária (IPB), que reflete a probabilidade de não se ter uma agência em determinada cidade, e os Índices Municipais de Bancarização (IMB) relativo e absoluto, que conseguem, a partir do IPB, demonstrar o nível de penetração das instituições em municípios de difícil atuação, assim como mostrar a contribuição agregada da presença. Os resultados reforçaram a capacidade das cooperativas de crédito de operar em locais de mais difícil bancarização.

Sobre o Sicredi
O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão do Sicredi valoriza a participação dos mais de 5 milhões de associados, os quais exercem papel de donos do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 25 estados* e no Distrito Federal, com mais de 2.000 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros (www.sicredi.com.br).

*Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.*Clas Comunicação e Marketing*


A UNEB realiza o III Simpósio de Saúde da População Negra, com o tema Saúde Mental da População Negra Universitária


O projeto do Laboratório de História e Cultura Afro-brasileira e Currículo Marinha Rodrigues (LahAfro), vinculado ao Departamento de Educação, Campus VII, UNEB, em Senhor do Bonfim, convida para o III Simpósio de Saúde da População Negra, com o tema “Saúde Mental da População Negra Universitária”, nos dias 25 e 26 de outubro. O evento acontece de forma remota, sempre às 19h, através do Canal do YouTube Lah Afro UNEB.

A proposta para o dia 25/10, é discutir o olhar da Psicologia e da Enfermagem e suas formas de identificação e enfrentamento ao racismo, com os(as) convidados(as) o Ms. Elias Pereira (UNIVASF) e a Profª Dra. Suiane Costa (UNEB). Para o dia 26/10, é previsto uma conversa sobre a visão preventiva do sofrimento mental da População Negra universitária a partir do olhar da Nutrição e da Educação Física, com as convidadas a Ms. Amélia Cruz (UNEB) e a Profª Dra. Denize Ribeiro (UFRB).

O simpósio é uma parceria da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), o Projeto de Extensão Saúde da População Negra e o Grupo de Estudos em Educação Científica (GEEC). O evento terá emissão de certificados e as inscrições já estão abertas através do link: sge.une.br.

Irenilda Maria
NAC – DEDC VII/UNEB


Baile de Personalidades apresenta os destaques 2021 no próximo dia 6 de novembro


A 17ª edição do Baile das Personalidades, vai premiar na noite do próximo dia 6 de novembro, o talento, a beleza e o empreendedorismo regional com muito glamour, frisson e elegância. Já está praticamente tudo pronto em Juazeiro – BA para o grande encontro que vai reunir, na tradicional Chácara Bougainville, as pessoas que mais se destacaram e influenciaram o dia a dia do Vale do São Francisco em 2021.

O reconhecimento público dos destaques a exemplo de empresários, políticos, professores, médicos e advogados, começa às 21h30, quando soam os primeiros acordes da atração musical Daniel e Stela. O traje para o evento de gala, comandado pelo colunista social e prometer, Gileno Dias, é o já tradicional esporte fino. “Obedecendo a mesma elegância, criatividade, brilho e o charme das edições anteriores”, conforme pontua Gileno que é considerado uma lenda viva do colunismo social na região.

Outra atração que já é uma tradição do badalado Baile das Personalidades é o cerimonial apresentado pela radialista Nélia Lino que evidencia o currículo dos destaques. “Esse ano harmonizaremos os talentos, a beleza e a elegância com a integração social das cidades de Juazeiro e Petrolina, homenageando praticamente todos os segmentos produtivos do Vale nas áreas sociais e humanas”, concluiu. A assessoria de imprensa do Baile das Personalidades leva a assinatura da Clas Comunicação e Marketing. Reserva de mesas: (74) 98826- 1219.


Sicredi reúne jornalistas e formadores de opinião em encontro nacional


A sétima edição do Encontro Nacional com Jornalistas e Formadores de Opinião do Sicredi, movimentou profissionais de comunicação de várias partes do país, nesta terça-feira (19), através de uma live interativa. O encontro, em comemoração ao Dia Internacional das Cooperativas de Crédito (21 de outubro), foi aberto pelo presidente do Conselho de Administração da Sicredi Participações, Fernando Dall’Agnese, que deu as boas vindas, falando das cooperativas de crédito que hoje já são mais de 86 mil unidades em 118 países, atendendo a mais de 385 milhões de pessoas no mundo.

Depois, o superintendente de Tesouraria do Sicredi, Alexandre Barbosa, lembrou as dificuldades impostas pela pandemia da Covid 19 e os mecanismos utilizados pela cooperativa para superação das limitações e a manutenção da saúde econômica e social dos associados. Evidenciando o tema do encontro ‘Construindo saúde financeira para um futuro melhor’, Barbosa, destacou também a importância da educação financeira, as contribuições e o diferencial que impacta atualmente 12 milhões de brasileiros através de 847 cooperativas distribuídas em todo país.

Na sequência, depois do primeiro bloco de respostas às perguntas feitas através do chat, o encontro mostrou os resultados de vários estudos que demonstram os impactos positivos da presença de uma cooperativa nos municípios menores e mais afastados. No encerramento, o diretor executivo de Crédito do Sicredi, Gustavo Freitas reafirmou o crescimento do cooperativismo de crédito “acima da média do sistema financeiro nacional”, exemplificando que o Sicredi já é a segunda maior instituição de crédito agro no país.

“Em agosto desse ano registramos R$ 117,5 bilhões de carteira de crédito para os pequenos produtores, um crescimento de 43,2% em relação ao mesmo período do ano passado”. E concluindo, Freitas revelou que os produtores da Agricultura Familiar representam 63% de todo crédito rural concedido, o que equivale a 11 bilhões da carteira.

Respondendo ainda aos questionamentos dos jornalistas e formadores de opinião de todo Brasil, o diretor encerrou sua participação, lembrando ainda que os pequenos empreendedores, as micro e pequenas empresas respondem por 74% das operações, totalizando atualmente R$ 14,8 bilhões de carteira de crédito no fechamento do último mês de agosto. “A perspectiva para o próximo ano é crescer a 2 dígitos no mesmo patamar que vimos crescendo nos últimos 10 anos. Isso é importante para nós e para as comunidades onde atuamos”, concluiu. Clas Comunicação e Marketing


Jovem sofre acidente de moto na avenida da Lagoa em Antônio Gonçalves


Na noite deste domingo (17), por volta das 21h, um acidente de moto foi registrado na cidade de Antônio Gonçalves, na avenida copa Cabana. O jovem de nome Willian caiu de sua moto de dados não anotados, o mesmo sofreu escoriações e foi levado pela SAMU para o hospital na cidade de campo formoso, onde continua internado aguardando por exames.

AG Notícias


UNEB: Projeto “Juntos contra a COVID-19” promove diálogo com representantes dos municípios da Região de Saúde de Senhor do Bonfim


O Coletivo do Projeto de Extensão “Juntos contra COVID-19”, vinculado ao Departamento de Educação, Campus VII, UNEB, promove o evento “Situação Epidemiológica da COVID-19 na região de Saúde de Senhor do Bonfim-BA: uma segunda análise”, que será realizado no dia 20/10, às 19h. O encontro acontecerá de forma remota e a transmissão será pelo Canal do YouTube do Campus VII.

O evento contará com a presença de representantes dos municípios, e tem a proposta de dialogar sobre a situação epidemiológica da região. Dessa forma, pretende promover um compartilhamento de experiências, alinhar os caminhos e parcerias possíveis, além de sensibilizar a população.

As inscrições já estão disponíveis no link: sge.uneb.br e terá emissão de certificado. O projeto “Juntos contra COVID-19” é formado por docentes e estudantes do Campus VII e busca contribuir na construção de estratégias para enfrentar a COVID-19.

Irenilda Maria
NAC – DEDC VII/UNEB


Unimed Vale do São Francisco homenageia o Dia do Médico com palestra sobre sexualidade


Desconhecimento, preconceito, independência e maturidade sexual da mulher. A Unimed Vale do São Francisco movimentou a última segunda-feira (18), com uma homenagem ao Dia do Médico e uma pauta que é um dos pilares de qualidade de vida determinados pela Organização Mundial de Saúde (OMS): a sexualidade.

Com mediação do diretor presidente da entidade, Francisco Otaviano, o apoio e o patrocínio do Sescoop (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo – PE) e do Sicredi Vale do São Francisco, o encontro foi aberto com a palestra ‘Do Pudor ao Poder’, ministrada pelo médico e professor Eliano Pellini, formado na USP – SP.

Chefe do setor de saúde e medicina sexual da FMABC (Faculdade de Medicina do ABC paulista), o palestrante falou sobre a estética feminina do poder, responsabilidade com o corpo e destacou o trabalho de estudiosos, a exemplo de William Howell Masters e Virginia E. Johnson, casal pioneiro no estudo da sexualidade humana.

Com uma linguagem simples e didática, Pellini abordou também distúrbios como anorgasmia (falta de orgasmo feminino) e explicou como mitos e tabus podem gerar disfunções sexuais e comprometer a autoestima da mulher.

Ainda durante o encontro, falaram o presidente do Sistema OCB – PE, Malaquias Ancelmo de Oliveira e o presidente do Conselho de Administração do Sicredi Vale do São Francisco, Antonio Vinicius Ramalho Leite.

No encerramento, um sorteio de oito brindes, em parceria com o Sescoop (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo – PE) e o Sicredi Vale do São Francisco, contemplou os médicos cooperados: Danielle Matoso (Drone); Bruna Isabela Silva Nogueira (Drone); Cesar Lamark (Drone); Daniela da Silva Braga (Caixinha de som Alexa); Kátia Regina de Oliveira (Apple Watch série 3); Nathanael Batista Modesto (Notebook); Edinaldo Torres (Iphone 11) e George James (Iphone 11). Clas Comunicação e Marketing