Agenda de desenvolvimento sustentável é tema de reunião da URSF/FIEPE


A construção de uma agenda de desenvolvimento sustentável regional para o Sertão do São Francisco. Este foi o tema da reunião do conselho empresarial da Unidade Regional da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – URSF/FIEPE, nesta quarta-feira (14).

Durante o encontro, realizado por videoconferência, em decorrência do isolamento social pela Covid-19, o presidente da Agência de Desenvolvimento Líder (AD-LIDER SSF/PE) e conselheiro regional da FIEPE, Rogério Ribeiro, apresentou a estrutura, a diretoria e as diretrizes da nova agência que vai mobilizar 42 líderes e várias instituições, visando o desenvolvimento de oito municípios regionais nas áreas de turismo, comércio, serviço, agroindústria e meio ambiente.

êDe acordo com o presidente, a Agência de Desenvolvimento Líder Sertão do São Francisco Pernambucano foi criada a partir do programa LÍDER do Sebrae e abrange os municípios de Afrânio, Belém do São Francisco, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista. “No próximo dia 3 de dezembro, realizaremos o nosso primeiro grande evento no auditório do SENAI de Petrolina. Vamos entregar aos novos gestores destes oito municípios a ‘Agenda de Desenvolvimento Sustentável Regional do Sertão do São Francisco’, adiantou Rogério Ribeiro.

São previstos na Agenda os sistemas de inteligência no suporte às cidades e aos negócios em espaços de criação coletiva para manter um ambiente favorável ao desenvolvimento de startups, de sistemas de implantação de energias renováveis, de atividades turísticas, de modernização do agronegócio e de indústrias.

“Tudo isso em um ecossistema único, a caatinga, que em união com as águas do Rio São Francisco favorece a ambiência para o desenvolvimento de negócios e faz do território um Vale de Oportunidades”, ressaltou. Ribeiro acrescentou ainda que em todo o projeto são observadas as três dimensões da competitividade: a sistêmica (gestores públicos e prefeitos), a empresarial (empresários locais e suas entidades representativas de classe) e a estruturante (esforço conjunto da sociedade organizada). O planejamento da entidade, em que toda diretoria é voluntária, tem ações programadas até 2030.

O diretor adjunto da unidade regional da FIEPE, Huberto Costa, encerrou a reunião enfatizando a produtividade do encontro. “Tivemos uma explanação clara e objetiva de um projeto que vai estimular e criar um ambiente favorável aos negócios para o desenvolvimento regional sustentável. Somos parceiros desta ideia e já cedemos uma sala em nossa estrutura onde vai funcionar a Agência”, concluiu. O gerente de relações industriais da FIEPE, Maurício Laranjeiras, representou a superintendência da entidade na reunião. CLAS COMUNICAÇÃO E MARKETING

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *